Todo dono de cachorro provavelmente acha que seu companheiro é único, mas um filhote recém-nascido chamada Skipper (Saltitante, em tradução livre) é verdadeiramente única, ela nasceu com seis pernas e duas caudas.

Seus veterinários dizem que Skipper pode ser o primeiro cão a nascer vivo com esse conjunto particular de condições congênitas.

“Ela é um milagre chamada Skipper. Literalmente”, escreveram os funcionários do Neel Veterinary Hospital, em Oklahoma (EUA), onde Skipper foi tratada, em um post em sua página no Facebook. “Ela sobreviveu mais do que suspeitamos que qualquer outro canino tenha… com sua combinação de condições congênitas”, escreveu o hospital, acrescentando que “pesquisas publicadas não indicam que um [cão com essas condições] tenha nascido vivo”.

Skipper é uma mistura entre um border collie e um pastor australiano; e ela fazia parte de uma ninhada de nove filhotes nascidos em 16 de fevereiro, de acordo com a CNN.

Os veterinários diagnosticaram Skipper com dois distúrbios congênitos chamados dipygus monocefalia e monocefalia rachipagus dibrachius tetrapus, “o que significa simplesmente que ela tem 1 cabeça e cavidade torácica, mas 2 regiões pélvicas, 2 tratos urinários inferiores, 2 sistemas reprodutivos, 2 caudas e 6 pernas entre outras coisas”, disse o post no Facebook.

É provável que Skipper tenha parte de um gêmeo no seu corpo, “e quando o óvulo fertilizado tentou se separar, ele não se separou totalmente”, disse a Dra.

Skipper também tem sinais de espinha bífida, um defeito de nascimento em que a coluna vertebral não fecha corretamente durante o desenvolvimento.

Apesar de suas raras condições, Skipper parece saudável. “Seus órgãos parecem estar em ótima forma”, e ela está crescendo bem, de acordo com o post no Facebook. “Todas as pernas se movem e respondem a estímulos como um cachorrinho normal”, disse o post.

Skipper pode precisar de fisioterapia e ajuda na mobilidade à medida ao envelhecer. “Continuaremos pesquisando suas condições, monitorando seu desenvolvimento durante os checkups e ajudando a manter Skipper livre de dores e confortável para o resto da vida.”

 

Fonte: HypeScience/ Marcelo Ribeiro